Virgem, Extra Virgem, acidez 0,5%, mas afinal o que é isso? Entenda sobre tipos de Azeite.

Sobre os tipos de Azeite

Saiba que existem 3 tipos de azeites disponíveis no mercado:

  • Azeite de Oliva
  • Azeite de Oliva Virgem
  • Azeite de Oliva Extra Virgem

O Azeite de Oliva é o produto extraído somente do fruto da oliveira. Na Fazenda Verde Oliva, extraímos em equipamentos modernos, não mais em moinhos e prensas como existiam antigamente!

Azeite de Oliva

Azeite de Oliva Virgem, passa por processos químicos em sua produção, isso acaba retirando grande parte de seu gosto, aroma e benefícios à saúde. Sua acidez varia de 1,5% a 3%, e o produto é geralmente misturado aos azeites virgem ou extravirgem para voltar a ter algum sabor.

Já o Azeite de Oliva Virgem, é resultado de processos mecânicos ou físicos. E por isso, mantém as características de aroma, sabor, vitaminas e nutrientes. É mais saudável que o comum, e possui acidez entre 0,8% e 1,5%.

O mais indicado para quem se preocupa com a saúde, o Azeite de Oliva Extra Virgem, não passa por nenhum refinamento químico e deve ter a acidez até 0,8%. Isso faz com que seus nutrientes, assim como gosto e aroma, sejam mantidos. É o mais saudável de todos!

Além de produzir somente o Azeite de Oliva Extra Virgem, o processo de extração da Fazenda Verde Oliva é a frio, a temperatura não ultrapassa a 28ᵒC e o tempo de batimento para separação das gotículas de óleo da massa após a moagem das azeitonas são rigidamente controlados. Resultando assim em uma melhor qualidade. Falamos mais aqui sobre nosso processo de produção.

Qualidade do Azeite

A variação da qualidade do Azeite é resultado da variação dos tipos e qualidade de azeitonas, dos cuidados no plantio, manejo, colheita, extração, armazenamento e na embalagem.

O tempo de armazenamento das azeitonas até o início da extração é muito importante no resultado da qualidade do azeite. Quanto menor o tempo, menor será a degradação da gordura e sua oxidação.

Para determinação da qualidade do Azeite, são utilizados parâmetros químicos e sensoriais.

  • Nas análises químicas se medem a acidez e índice de degradação da gordura.
  • Na análise sensorial se verifica o sabor e aroma do Azeite.

A acidez é um dos indicativos da qualidade do Azeite. O Azeite Extra Virgem deve ter no máximo 0,8% de acidez. Quanto mais baixa acidez, maior a indicação de que as Azeitonas são de boa qualidade e de que foi processado adequadamente e logo após a colheita.

O Azeite quanto mais jovem e extra virgem melhor.

O Azeite, em geral, tem validade de 6 meses a 2 anos, isto pode variar de acordo com a forma do processamento, embalagem, armazenamento e tipo do azeite, sendo que depois de aberto, deve ser guardado sempre fechado em local escuro e fresco e deve ser consumido no máximo em 2 meses.

Benefícios a Saúde

O Azeite de Oliva é a mais saudável das gorduras, por isso é um alimento funcional e é a base da dieta Mediterrânea.

A pratica do consumo diário em países produtivos tem resultado no baixo índices de diabete, doenças do coração, osteoporose, alzheimer e maior longevidade.

Artigos relacionados:

Pesquisas demonstram benefícios do Azeite e aumentam o seu consumo

2 colheres de Azeite no combate à Osteoporose

Pesquisa comprova os benefícios do azeite para a memória